Ela usou as roupas do marido durante 10 dias para trabalhar

Dizem que as mulheres adoram usar as camisetas e camisas dos maridos quando estão em casa. Mais largas, elas são super confortáveis para ficar largada no sofá.

Uma mulher chamada Rufina foi um pouco além e decidiu fazer um experimento muito interessante. Durante 10 dias, ela vestiu peças de roupa do marido para trabalhar. Perceba como ficou elegante.

Veja como foi o processo e descubra como foi a reação dos colegas de trabalho.

“A ideia me parecia muito ousada, porque, assim como para muitas outras mulheres, sair de casa com roupas ’masculinas’ era um tabu para mim. Mas foi muito interessante observar quais as vantagens das roupas tipicamente usadas por homens.

Para me ajudar na montagem dos diferentes looks, uma amiga estilista chamada Elmira me ajudou. Abrimos o armário e tiramos todas as roupas do meu marido. Pouco a pouco começamos a criar, compor e experimentar.”

Primeiro dia

“Quando a Elmira me falou para vestir essa calça estilo militar, no começo fiquei meio sem jeito, pensei em negar porque me sentia super mal. Mas até mesmo as calças super largas podem ser apertadas na zona da cintura e, quando combinadas com um bom cinto, um sapato de salto alto e uma camiseta justa, ficam ótimas. Completei o look com uma boina e senti que fiquei maravilhosa.”

Segundo dia

“Você sabia que os agasalhos largos não combinam apenas com calça, mas também com saias? Eu não sabia, e fiquei muito surpresa com o resultado. A malha pode ser combinada com muitas outras peças de roupa. Portanto, se você vir uma malha bonita na seção masculina, não perca tempo e compre.

Completei o visual com uma bota e um chapéu. O estilo chamou atenção, mas parece que foi feito sob medida.”

Terceiro dia

“Meu marido tinha uma camisa jeans que não usava há muito tempo. Não pensei duas vezes e decidi usá-la, combinando-a com uma saia vinho. Parece que foram feitas como conjunto, e servem para qualquer ocasião. Uma colega de trabalho chegou a me perguntar onde eu tinha comprado. Quando falei que era do marido, no começo ela não acreditou.”

Quarto dia

“Um dos dias, decidi sair à noite com umas amigas e quis colocar algo mais descolado. Elmira encontrou uma camisa interessante e me recomendou que desse um nó na cintura. Completei o look com óculos modelo aviador e uma calça justa. Realmente consegui a imagem que queria.

Nas lojas femininas, é muito complicado achar uma boa camisa. Elas quase sempre têm temas florais, são coloridas demais ou uns babados que não combinam.”

Quinto dia

“A jaqueta é outra peça de roupa que pode ser unissex. Os braços do meu marido são muito mais compridos dos que os meus, mas isso não foi um impedimento. Dobrei as mangas e não pensei duas vezes.”

Sexto dia

“No sexto dia, tentei experimentar mais a mistura de cores. Elmira me recomendou uma camiseta com tema de marinheiro, e me disse que ela não é apenas um símbolo do mar, mas também da elegância francesa. Em geral, essa estampa combina muito bem com o azul e com o vermelho.”

Sétimo dia

“O que você sempre pode usar do seu marido é uma malha de lã, um gorro e um cachecol. Não importa que a malha pareça enorme, elas nunca saem de moda. Não sei exatamente por que, mas as malhas masculinas costumam ser muito mais quentinhas do que as femininas. Ideais para dias de frio.”

Oitavo dia

“Como no oitavo dia eu não tinha nenhuma reunião importante, Elmira e eu criamos uma imagem diferente, mais relaxada e, sobretudo, mais cômoda. Para isso, apostamos em um agasalho e uma calça jeans, tudo do meu marido. Um estilo super confortável e que não chama a atenção de ninguém.”

Nono dia

“A jaqueta é um dos elementos mais versáteis do armário. Segundo a minha amiga, ela pode ser usada com quaisquer outras peças de roupa. Por exemplo, com sapatos clássicos, calça jeans e até mesmo com uma bolsa de mão. Dessa forma, é possível criar um estilo elegante e, ao mesmo tempo, relaxado. Fui assim ao aniversário de uma amiga, e ela nem percebeu que a jaqueta era do meu marido.”

Décimo dia

“No último dia, não parei de pensar em usar uma camisa branca do meu marido. No começo, pensamos que ela ficaria grande demais, mas decidimos transformar esse aspecto negativo em um atrativo, trabalhando as mangas e completando o look com uma saia lápis. O resultado, na minha opinião, é um estilo atrevido e elegante, ideal para o trabalho ou para uma festa. Decidi completar o look com o relógio do meu marido, um contraste ainda mais maravilhoso.”

“Meu desafio havia chegado ao fim. O resultado da experiência foi muito positivo. Percebi como a roupa masculina é cômoda e funcional. Um dos pontos que mais me marcaram e que eu acho mais importantes nessa história é a importância de eliminarmos todo tipo de preconceito. Roupas podem ser usadas por homens e por mulheres. O nosso jeito masculino ou feminino não importa e, mais importante do que a roupa que usamos, é o nosso interior.

Não preciso falar que ninguém percebeu que eu estava usando as roupas do meu marido. Todos ficaram surpresos e adoraram a ideia.

Minha sugestão é sempre dar uma passada no armário da pessoa com quem moramos. Eu posso garantir que, a partir de hoje, vou fazer isso com muito mais frequência.”

Content retrieved from: https://incrivel.club/inspiracao-mulher/me-vesti-para-el-trabajo-con-la-ropa-de-mi-marido-durante-10-dias-completos-323410/.

Share this post

Post Comment