O que fazer ao engasgar com uma espinha de peixe

O que fazer ao engasgar com uma espinha de peixe

Peixes são alimentos saborosos e saudáveis, mas podem ser perigosos por conta das pequenas espinhas que podem ser engolidas sem querer.

Diante do problema, o reluzir.com elaborou uma lista com coisas que você pode fazer caso tenha engasgado com espinhas.

Qual o perigo?
Além de a espinha de peixe provocar dor e incômodo, os tecidos em contato com ela podem inflamar. Além disso, pode surgir inchaço, o que dificultaria a captura do resíduo e provocaria asfixia, sobretudo em crianças. Portanto, a melhor ideia sempre é retirar a espinha o quanto antes

O que você deve evitar:

Diante de uma pessoa engasgada, não dê palmadas nas costas nem aplique a manobra de Heimlich — já falamos dela aqui no Incrível. Do contrário, você prejudicaria ainda mais a mucosa.
Não tente empurrar a espinha com alimentos duros, embora popularmente esta seja uma recomendação comum. Isso poderia fazer com que a espinha quebrasse ou se alojasse ainda mais profundamente, tornando a tarefa de retirá-la ainda mais difícil.

Procure o médico se:

Não estiver aguentando a dor, sentir asfixia ou se cuspir sangue..
A vítima for uma criança.
A espinha estiver há horas presa, sem sair do lugar.
Não tiver certeza de que já eliminou a espinha da garganta.

O que fazer:

Fique calmo, evite o pânico; geralmente, as espinhas são muito pequenas para cortar sua respiração.
Tussa com cuidado; isso pode ajudar se a espinha não estiver muito profunda. Caso a dor se agrave, pare de tossir.
Se tiver uma pinça longa (15 a 20 cm), use-a para retirar a espinha: provavelmente, o corpo estranho estará num ponto visível. Pegue um espelho e uma lanterna para examinar a garganta. Se tiver outra pessoa para fazer isso, melhor.
Beba água. Não se preocupe com seu estômago, pois ele é capaz de digerir a espinha sem problemas.
Engula algo macio que possa mover a espinha, retirando-a da garganta: uma banana, um marshmallow, pão com manteiga de amendoim, arroz bem cozido, purê de batata… O importante é que a comida esteja bastante umedecida com saliva, azeite ou água.
Ingira óleo vegetal para facilitar a movimentação da espinha. Isso irá também lubrificar a garganta, ajudando a evitar inflamações.

Depois de retirar a espinha:

Talvez até mesmo depois de ter ido ao médico, você continue com a sensação de que a espinha continua no mesmo lugar. Não se preocupe, esse efeito é temporário.
Para acabar com esta sensação, tome um banho morno para aliviar a garganta e relaxar os músculos.
Coma algo leve, como um mingau de aveia.
Faça gargarejo com qualquer antisséptico, evitando a inflamação da garganta.

Share this post

Post Comment